Blog – expoLAB

Café canino?

Em um mundo que abriga viciados em café e seus derivados, empresas do ramo inovam trazendo os caninos para o universo das bebidas quentes. A cafeteria americana, Starbucks Coffee, conhecida e espalhada por diversos países, lançou uma nova bebida, conquistando o coração da cachorrada.

A marca se sensibilizou com os cães de estimação de seus clientes. Muitos estabelecimentos não permitem a entrada de animais e muitos outros não oferecem água nas entradas para aliviar o paladar dos pets.

Dessa forma, para revolucionar, a cafeteria lançou a bebida puppuccino: uma mistura de café expresso com uma quantidade generosa de chantilly, servida gratuitamente aos cães da clientela. O nome do produto é uma fusão de puppy (“cachorro” em inglês) com cappuccino. 

Foto: site Starbucks Secret Menu (reprodução).

Seu cãozinho tem problemas com lactose? O Starbucks pensou nisso, deixando apenas uma quantidade pequena da substância na bebida. Dessa forma, seu pet não correrá o risco de passar mal com o puppuccino. 

Foto: site Starbucks Secret Menu (reprodução).

Ao ir em algumas das lojas espalhadas por aí, pode-se confirmar se as mesmas são pet-friendly e se for, a bebida poderá ser solicitada, pois não está no menu.

A Clement, cafeteria localizada em Melbourne, na Australia, inovou antes do Starbucks, lançando, em 2014, um puppuccino com leite de coco e chantilly de cabra com pedaços de fígado picado e cobertura de biscoito orgânico canino de manteiga de amendoim, deixando o glúten de lado.

A bebida foi inaugurada na Market Week na cidade. Em média 150 puppuccinos foram vendidos, conquistando o coração dos cães e de seus donos.

Afinal, qual puppuccino seu dog prefere?

Confira as imagens do sucesso dessa bebida com a cachorrada:

Foto: Mexido de Ideias (reprodução).

 

Foto: Mexido de Ideias (reprodução).

Leticia Nogueira

Leticia Nogueira